Repórter por um dia

Publicado em 4 de maio de 2016
por Welington Gonzaga
Repórter por um dia
# Fora da Ilha de Edição #
0

Dos meus nove anos de atuação profissional iniciada em 2008, seis foram dedicados à reportagem. Mas nos últimos três anos minhas atividades estão concentradas apenas na edição. É que desde meados de 2013 desenvolvo a função de editor de imagens na emissora TV Princesa, afiliada à Rede Minas, após aprovação em concurso público da Fundação Cultural do Município de Varginha. A opção pela edição em vez da reportagem foi pessoal, na época, para, além de buscar novos desafios profissionais, vivenciar uma rotina diferente daquela à qual já estava desgastado.

Mas com o passar do tempo e a adaptação à nova rotina, já estava com saudades do trabalho como repórter. E justamente nesta semana tive a oportunidade de desenvolver um trabalho junto às fontes, no movimento da rua, que é o melhor habitat para um jornalista. O resultado dessa experiência foi ao ar no Jornal Cidade, ontem (03), num VT que mostra as expectativas dos artesãos locais para a realização da 3ª Feira de Economia Criativa e a solenidade de abertura do evento.

Agora, para descontrair, uma sequência que mostra uma tentativa de gravação da passagem em dez momentos. Para quem não conhece esse termo técnico do jornalismo, passagem nada mais é que o momento da reportagem no qual o repórter aparece, em pessoa, falando alguma informação relevante.

De acordo com o Manual de Redação, publicado no site da Universidade Metodista de São Paulo, é a passagem “que dá credibilidade ao que está sendo veiculado. A passagem pode ser usada para descrever algo que não temos imagem, destacar uma informação dentre outras, unir duas situações, destacar um entrevistado ou criar uma passagem participativa“. No caso desta reportagem, optei pela gravação da passagem para destacar o local, o período e o horário de funcionamento da feira. Enfim, segue a sequência de erro de gravação. Atenção às expressões, que falam mais que mil palavras.

Tentativa de gravação de passagem em dez frames

Deixe seu comentário